Conheça 7 modelos de implantes dentários para você sorrir mais!

7 tipos de implantes dentários

O tratamento com implantes dentários é uma solução da odontologia avançada que veio para ficar: atualmente, é o método mais eficaz para os problemas da perda dentária, da recuperação das funções mastigatórias e do embelezamento duradouro do sorriso.

É um tratamento indicado para quase todos os tipos de pacientes, também se consolidando como o mais duradouro. Portanto, hoje iremos discutir os principais tipos de implantes dentários que estão disponíveis para você! Confira!

Começamos explicando brevemente em que consiste um implante dentário

Um implante dentário é composto por um pequeno parafuso de titânio (titânio é o tipo de material mais usado em implantes dentários) que é inserido no osso da mandíbula ou na maxila, substituindo a raiz do dente. O objetivo dos implantes dentários é funcionar como raízes artificiais na ausência de um dente. Após o implante, uma coroa é colocada.

Principais tipos de implantes

Familiarizar-se com os diferentes tipos de implantes dentários é positivo, pois irá ajudá-lo a compreender melhor o processo para enfrentar a intervenção com mais tranquilidade.

1. Implante de carga imediata

As “cargas imediatas”, também conhecidas como “dentes em um dia”, são aquelas que podem combinar em uma única sessão o processo de extração do dente, colocação do implante e restauração do mesmo. A colocação da coroa provisória pode ser feita imediatamente após a cirurgia ou até 48 horas depois. Ou seja, como o próprio nome sugere, você pode sair da consultório com os novos dentes no mesmo dia.

2. Implante duplo

O implante duplo é mais indicado quando há a ausência de três dentes vizinhos. O procedimento inclui a fixação de dois pinos, que funcionarão como raízes artificiais e o encaixe de uma coroa intermediária nas duas próteses. Isso forma uma espécie de ponte entre os dois dentes com pinos e o que está no meio.

3. Prótese protocolo

Uma prótese de protocolo tem o propósito de melhorar a estética, o conforto e a funcionalidade perdida com a perda de dentes. Podemos encontrar próteses totais, que serão feitas na ausência ou perda de todos os dentes de uma maxila, ou próteses parciais, indicadas no caso de perda parcial dos dentes. A prótese é parafusada e fixada, porém completamente escondida, apoiada em uma determinada quantidade de implantes (mínimo 4 na arcada inferior e 6 na superior).

4. Prótese overdenture

As overdentures são próteses removíveis, colocadas sobre implantes dentários especiais, que proporcionam um suporte maior do que as próteses tradicionais. São muito confortáveis de usar e a possibilidade de tirá-los torna a sua higiene fácil e muito eficaz.
Atualmente, para a colocação de uma prótese overdenture, devem ser utilizados pelo menos dois implantes, embora seja verdade que se recomenda colocar mais alguns para uma melhor fixação e para obter a máxima estabilidade.

5. Implante zigomático

Os implantes zigomáticos foram desenvolvidos para responder a situações em que a quantidade de osso é tão pequena (atrofia maxilar) que é impossível colocar implantes convencionais.

Este tipo de implante, com medidas e desenhos especiais, é fixado no osso malar, zigoma ou maçã do rosto. Serve de âncora para uma prótese fixa, evitando enxertos ósseos agressivos.

6. Implante dental curto

Este tratamento é indicado para pacientes com disponibilidade óssea limitada para colocação de implantes dentários. Nestes casos, se forem colocados implantes de tamanho usual, o seio maxilar e o nervo alveolar inferior estão frequentemente expostos a riscos.
Embora as técnicas de enxerto ósseo ajudem a reduzi-los consideravelmente, alguns pacientes tendem a evitá-los devido ao tempo de recuperação que requerem ou ao desconforto que podem causar. Com implantes dentários curtos, os dentes podem ser restaurados sem recorrer a procedimentos de enxerto ósseo.

7. Implante de titânio

O titânio é o material tradicionalmente utilizado para implantes dentários: é um metal de cor semelhante ao aço, porém mais leve, facilmente moldável e extremamente duro. Sua alta biocompatibilidade torna mais fácil para o corpo integrá-lo.
A técnica de colocação dos implantes de titânio é a osseointegração: união mecânica por meio da qual as células ósseas aderem à superfície do implante, consolidando progressivamente sua fixação na maxila.

Importância na escolha de um implantologista especializado

Todos os tipos de implantes dentários que citamos são serviços cada vez mais solicitados e utilizados nas clínicas dentárias, mas isso não significa que qualquer pessoa possa instalá-los. É fundamental que um implantologista experiente se responsabilize pelo diagnóstico, tratamento e supervisão de todo o processo para que o resultado seja 100% ideal e duradouro.

Aqui na Biodontos, contamos com uma equipe de profissionais especialistas que, além de altamente qualificados e em constante formação, possuem uma vasta experiência em tratamentos de colocação de implantes dentários, garantindo assim uma porcentagem muito elevada de sucesso em cada um dos tratamentos.

Se está interessado em melhorar o aspecto e a saúde da sua boca e pensa que a colocação de implantes é a solução mais adequada para você, não hesite em nos contactar. Clique aqui e agende agora mesmo sua avaliação. Estamos te esperando!

Agende aqui uma

avaliação